O Anel alienígena encontrado no túmulo de Tutankamón...??

24/01/2021

Muitos tesouros foram encontrados no Antigo Egito, alguns mais surpreendentes do que outros. Mas, sem dúvida, o que mais se tem falado, possivelmente, é o anel alienígena encontrado na tumba de Tutancâmon.

Ao falar sobre joias antigas, você não consegue parar de falar sobre o Egito Antigo. A qualidade com que os seus artesãos conseguiram fabricar grandes e pormenorizadas peças de ourivesaria, continua a surpreender até hoje.

As primeiras imagens que vêm à mente quando se pensa nesta cultura são as pirâmides e os faraós em seus trajes opulentos e joias. Por esse motivo, não foi surpreendente encontrar tais tesouros na tumba do rei Tut. O que mais chamou a atenção, foram os resultados que sua análise lançou, especialmente em seu anel.

Rei Tutancâmon

Tutankhamon não era o rei mais importante do antigo Egito. Na verdade, seu reinado foi um dos mais curtos; apenas 9 anos, já que morreu muito jovem. No entanto, ele foi capaz de restaurar o culto religioso de Amon e outros deuses tradicionais que haviam sido perdidos graças a Akhenaton, seu predecessor.

Se pensarmos bem, a importância de Tutancâmon é atual, pois sua tumba nunca foi saqueada no passado. Por ser uma tumba relativamente pequena em comparação com as outras, os saqueadores não prestaram atenção a ela.

Assim, tornou-se um dos únicos túmulos que permaneceram intactos até hoje, o que forneceu muitas informações sobre o estilo de vida da época.

A descoberta da tumba deve-se a Howard Carter, que dedicou sua vida a encontrá-la, até que finalmente a encontrou em 1902.

Carter passou anos estudando o terreno, convencido de que tal tumba deve existir no Sepulcro dos Reis. Assim, ele convenceu um aristocrata britânico, Lord Carnarvon, a financiar sua exploração.

Com o passar do tempo e acrescentando fracasso após fracasso, a paciência de Carnavon estava se esgotando. Faltando apenas um dia para o corte do financiamento pela raiz, um menino com a tarefa de levar água aos trabalhadores tropeçou em algo estranho.

Depois de cavar o suficiente, eles encontraram a porta selada de 3.000 anos da tumba do rei Tut.

Dentro estava absolutamente tudo, exatamente como havia sido enterrado; o sarcófago, as joias, armas e vestimentas que deram um total de 5.800 objetos. Tudo foi inventariado e classificado cientificamente para iniciar sua análise.

O anel alienígena

A descoberta, inventário e análise de todos os artefatos que estavam na Tumba de Tutankhamon descoberto em 1922 levou exatamente 10 anos.

O objeto que mais impressionou os cientistas foi o misterioso anel, que parece ser a representação de uma estranha criatura humanoide.

De acordo com pesquisas de egiptólogos, concluiu-se que se tratava de uma suposta representação de Ptah, o deus criador da mitologia egípcia.

Porém, a olho nu, a improbabilidade dessa conclusão pode ser apreciada, pois a representação desse deus encontrada inúmeras vezes é totalmente diferente daquela vista no anel.

Mas o mais estranho são os materiais com os quais o anel foi feito. Como em sua adaga, ferro, níquel e cobalto foram encontrados na composição do anel.

Algo praticamente impensável, já que a ferraria era uma prática quase desconhecida para os egípcios, além disso, esses materiais são encontrados em meteoritos. Também disseram que data de 600 a.C., algo que também não concorda com a linha do tempo do deus Ptah, que se acredita ter vivido em nosso mundo 5 ou 15 mil anos atrás.

Existem muitas incongruências que cercam o misterioso anel alienígena de Tutankhamon, desde a misteriosa figura humanóide até seus materiais. O que ela realmente representa e por que só se encontrou com Tutankhamon? É possível que o resto dos reis, cujas tumbas foram saqueadas, também os possuíam? O que isso pode significar?