12.000 anos atrás, os alienígenas usaram uma pirâmide na China como local de abastecimento??

22/11/2021

Relatos antigos de visitantes extraterrestres também mencionam a China e, especialmente, um lugar um tanto misterioso localizado neste lugar: a pirâmide de Xiangyang.

Em todo o mundo existem uma infinidade de pirâmides erguidas por culturas antigas e muitas delas têm algo em comum: sua construção esconde um feito incrível que até hoje é muito difícil de decifrar.

Segundo os locais, seus ancestrais falavam de naves gigantes pertencentes a uma raça extraterrestre, que um dia encheram os céus para depois usar a pirâmide como local de pouso e até mesmo recarregar energia ou combustível.

A hipótese sobre alienígenas é "compreensível e merece ser estudada, mas meios científicos devem ser usados ​​para verificar se ela é verdadeira ou não", disse um dos cientistas e pesquisadores da Academia Chinesa de Ciências Sociais a repórteres.

O grupo de exploração científica que investiga populações antigas locais concorda que todos os indícios mostram que os alienígenas usavam a gigantesca estrutura piramidal como uma de suas principais bases na Terra.

Canos passando pela pirâmide

A pirâmide anômala se eleva quase 61 metros acima do campo, a área circundante é composta de conduítes intrigantes e artefatos estranhos. A agência estatal Xinhua enviou uma equipe de nove homens para investigar a pirâmide e relatar suas descobertas. A equipe descobriu tubos que correm pelas cavernas e muitos passam sob o solo, mas para onde vão?

A Agência disse em um comunicado:

"A pirâmide possui três cavernas com aberturas triangulares e sua fachada é repleta de tubos de tonalidade avermelhada, um deles vai para a montanha e outro próximo a um lago de água salgada. Acima das cavernas há dezenas de conduítes, todos de diâmetros diferentes, que misteriosamente percorrem o comprimento da montanha abaixo da pirâmide imponente. Todos os condutos têm a cor das rochas circundantes, uma cor castanha avermelhada turva".

Além disso, existem muitas outras peças (tubos) que estão espalhadas pelo solo em todas as direções. Alguns dos canos estão nas margens de um lago salgado, enquanto outros estão submersos na água e sob o leito do lago. Embora o propósito dos canos tenha sido listado como desconhecido, alguns cientistas chineses estão pensando que a estrutura é na verdade os restos de algum posto avançado ou uma base espacial alienígena.

A complexa pirâmide se estende muito além do que é visível no solo e as evidências sugerem uma rede altamente tecnológica de canos pressurizados, suprimentos de água e talvez combustíveis. O sitio arqueológico é possivelmente tão antigo quanto 10.000 a.C. ou talvez duas vezes mais velho que isso. Com isso em mente, nenhum ser humano poderia tê-lo projetado, pois a história oficial não menciona culturas humanas com tecnologia semelhante capaz de fazer isso.

Qin Jianwen, chefe do departamento de publicidade do governo Delingha, disse que fragmentos dos canos foram levados para análise. As peças eram principalmente de dióxido de silício e óxido de cálcio, embora não tenha sido possível identificar mais de 8% do metal porque era totalmente desconhecido.

Liu Shaolin, um engenheiro que conduziu a análise, disse em um comunicado:

"O alto teor de dióxido de silício e óxido de cálcio é o resultado da longa interação entre o ferro e o arenito, o que significa que os tubos devem ser muito antigos. Que idade teriam? Alguns dizem que mais de 12.000 anos... talvez muito mais".

Os deuses que vieram das estrelas

Alguns historiadores definiram a cultura chinesa antiga como um "mistério envolto em mistério". As histórias do passado remoto da China estão cheias de menções ao "povo do paraíso" e aos "deuses" que vieram das estrelas e usaram a Terra como base para a exploração. Ao longo do caminho, esses seres ensinaram aos povos primitivos alguns fundamentos de tecnologia, engenharia, agricultura e a complexa estrutura do universo.

No início do século 20, dois mercadores da Austrália cruzaram o centro da China. Nas vastas planícies encontradas mais de 100 pirâmides. Os habitantes locais disseram aos dois homens que as pirâmides eram muito antigas, algumas muito mais antigas que a China.

Outras pirâmides mais jovens datam dos reinados de antigos imperadores. Os governantes sempre falavam de alienígenas e civilizações de outros planetas como a Terra. Até mesmo alguns dos imperadores chineses da época eram descendentes de deuses-homens que vieram das estrelas, e está escrito que esses "homens do céu" ou os filhos do céu pousaram em dragões de ferro em vários locais antigos, incluindo pirâmides.