As misteriosas cavernas Belum: Possivel refugio para antigas civilizações desconhecidas...

01/03/2021

Ainda não se tem informações da causa de algumas áreas não poderem ser acessadas..

As Cavernas Belum são o maior e mais longo sistema de cavernas aberto ao público (pelo menos uma determinada parte esta aberta) no subcontinente indiano, conhecido por seus espeleotemas, como formações de estalactites e estalagmites.

As Cavernas Belum possuem longas passagens (com distancias impressionantes), galerias, cavernas espaçosas (grandes salas com algumas formações misteriosas) com água doce e sifões.

Segundo alguns estudiosos este enorme sistema de túneis foi formado ao longo de dezenas de milhares de anos pelo fluxo constante de água subterrânea do agora desaparecido rio Chitravathi.

No entanto, alguns teoricos acreditam que não se trata de uma formação natural, e, na verdade, foi criada por uma civilização antiga muito desenvolvida tecnologicamente.

Ele apontam que a rede de túneis tem algumas áreas visivelmente artificiais e que foram utilizadas como abrigo para civilizações até então desconhecidas.

O enorme sistema subterrâneo atinge seu ponto mais profundo (46 m (151 pés) do nível de entrada) no ponto conhecido como Pataalaganga. Na língua telugu, é chamado de Belum Guhalu.

As cavernas Belum têm um comprimento de 3.229 m (10.593,8 pés), o que as torna as maiores cavernas do subcontinente indiano, depois das cavernas Krem Liat Prah em Meghalaya. É um dos Monumentos de Importância Nacional protegidos centralmente.

Em 1988, o governo estadual declarou o local protegido, e Andhra Pradesh Tourism Development Corporation ( APTDC ) desenvolveu as cavernas como atração turística em fevereiro de 2002. Hoje, 3,5 km (2,2 milhas) das cavernas foram exploradas com sucesso, embora apenas 1,5 km (0,9 mi) é acessível aos visitantes. Ainda não se tem informações da causa de algumas áreas não poderem ser acessadas..

Existem 16 caminhos diferentes, incluindo a entrada principal e há depósitos de quartzonas.

As cavernas de Belum estão localizadas perto da vila de Belum em Kolimigundla Mandal do distrito de Kurnool, no estado de Andhra Pradesh.

Descoberta

Mesmo que as Cavernas Belum fossem conhecidas da população local (já que muitos utilizavam o local para determinados fins, como armazenamento), os primeiros registros do local vêm do relatório da expedição do geólogo e arqueólogo britânico Robert Bruce Foote, em 1884.

Depois disso, as Cavernas Belum permaneceram despercebidas por quase um século até que uma equipe alemã chefiada por Herbert Daniel Gebauer conduziu uma exploração detalhada das cavernas em 1982 e 1983.

A expedição alemã foi auxiliada pelo Sr. Bacham Chalapathi Reddy (aposentado. Superintendente adjunto da polícia), Sr. Pothireddy Rama Subba Reddy (aposentado. Diretor), Sr. Ramaswami Reddy, Sr. Boyu Madduleti, Sr. K. Padmanabhaiah, Sr. K. Chinnaiah e Sr. A. Sunkanna.

Linha do tempo...

4.500 vestígios de vasos antigos foram encontrados nas cavernas.

Ocupado por monges jainistas e budistas, há mais de dois mil anos

1982 \ 1983 explorado pelo alemão Herbert Daniel Gebauer.

1988 declarado protegido pelo Governo de Andhra Pradesh.

1999 começou o desenvolvimento e a preparação de determinadas áreas da caverna pela Andhra Pradesh Tourism Development Corporation.

Algumas áreas foram abertas ao público - outras permanecem bloqueadas até os dias atuais sem uma justificativa.

2002 Descoberta da câmara musical.

2013 Uma nova espécie de isópode cavernícola (habitando as cavernas) descoberta, chamada Andhracoides gebaueri

Onde os monges ficavam

As Cavernas Belum são cavernas geológicas e historicamente importantes. Existem muitas evidencias de que monges jainistas e budistas ocuparam por algum tempo essas cavernas há séculos atrás.

Muitas relíquias budistas foram encontradas dentro das cavernas. Essas relíquias agora estão alojadas no Museu de Ananthapur .

A pesquisa arqueológica da Índia (ASI) também encontrou vestígios de vasos da era pré-budista e datou os vestígios desses objetos em 4.500 anos aC.

ATENÇÃO: Respeite o conteúdo do SITE, não copie sem autorização (conteúdo 100% protegido)