Arqueologia Proibida: Os misteriosos túneis próximos a pirâmide da Bósnia.. Um dos maiores mistérios do mundo

28/03/2021

Em 2005, o Dr. Semir Osmanagich descobriu as pirâmides da Bósnia no coração da Bósnia e Herzegovina, em uma pequena cidade chamada Visoko. Ele encontrou cinco pirâmides que chamou de Pirâmide do Sol, da Lua, do Dragão, do Amor e do Templo da Mãe Terra.

Além disso, ele encontrou um túnel, chamado Ravne, que fica a 2,5 quilômetros (1,55 milhas) da pirâmide do Sol da Bósnia. Quando a rede de túneis Ravne foi descoberta, as pessoas a chamavam de caverna, pois parecia um buraco em uma colina. No entanto, este se tornaria mais tarde um dos túneis mais misteriosos do mundo.

Materiais nos Túneis Ravne

Quando os túneis de Ravne foram descobertos pela primeira vez, só se podia entrar por apenas alguns metros. O túnel foi preenchido com um material solto de cor acastanhada e muito macio. Isso é chamado de "material de enchimento". As paredes dos túneis eram feitas de conglomerado e parecia que alguém havia escavado esse conglomerado há muitos anos - tempos onde fazer algo assim seria impossivel. O conglomerado tem cor e textura diferentes do material de enchimento.

Existe também 'paredes secas' nos túneis (parede fabricada artificialmente, oca, onde se é utilizado um sistema de chapas que as tornam resistentes) que bloqueiam os diferentes túneis laterais até a metade.. Existem vários túneis laterais com diferentes paredes secas que são encontrados no local subterrâneo. Em resumo, há evidências de que algumas culturas ou civilizações antigas estiveram envolvidas na criação dos túneis de Ravne - eles não são feitos naturalmente.

Não é uma mina... !!

Existem muitas hipóteses sobre os túneis de Ravne e sua finalidade. Várias pessoas argumentam que os túneis eram minas e provavelmente da Idade Média. A hipótese mais comum é que se tratava de minas de ouro.

Essa hipótese pode ser facilmente descartada; basta estudar os diferentes materiais descobertos nos túneis. Até hoje, nenhum ouro, prata, vidro etc, foi encontrado em Ravne. Na verdade, os túneis de Ravne quase não têm materiais importantes ou de grande valor ou mesmo baixo valor.

Algumas pessoas também afirmam que se tratava de minas mais modernas. No entanto, em tempos mais recentes, as pessoas estavam minerando carvão e, novamente, não há carvão em Ravne. Os materiais encontrados em Ravne costumam ser conglomerados, arenito, argila, cristal de quartzo, etc.

As pessoas na Idade Média não usavam seu tempo e esforços para extrair esses materiais. Além disso, se esta fosse uma mina de ouro da Idade Média, haveria alguns registros históricos sobre ela, mas nenhum foi encontrado. Além disso, o ouro provavelmente teria sido encontrado em Ravne em algum ponto durante as escavações, mas até hoje nenhum ouro foi localizado nos túneis.

Uma lâmpada de óleo 

Em 2012, voluntários fizeram uma descoberta em uma das seções do túnel em Ravne. Parecia ser uma lamparina a óleo do século XVII. A lamparina a óleo estava em cima do material de enchimento.

Labirinto subterrâneo de Ravne próximo à Pirâmide do Sol da Bósnia.

Isso mostra que alguém entrou nos túneis de Ravne não há muito tempo atrás. Quem entrou nos túneis não entrou pela entrada que foi descoberta pelo Dr. Osmanagich em 2006 porque essa entrada tinha alguns túneis fechados. Pode-se dizer que os túneis Ravne têm várias entradas que estão conectadas entre si. Um desses túneis, que poderia ser uma nova entrada, é o túnel Ravne 2, que foi descoberto em 2015.

No entanto, a questão permanece: o que as pessoas fizeram nos túneis? Muitos diriam que a lâmpada é uma evidência da teoria da mina de ouro, mas como já FOI PROVADO, essas não eram algum tipo de minas de ouro ou minas dos tempos recentes. Quem deixou a lamparina provavelmente estava explorando os túneis atrás de tesouros (muito comum antigamente).

Na verdade, depois da Idade Média, as pessoas costumavam explorar locais na esperança de encontrar riquezas. Então, alguém poderia ter encontrado a outra entrada dos túneis e escavado o material de enchimento, entrado alguns metros, e não encontrado nenhum material bom para o seu tempo. Ele / ela poderia mais tarde ter preenchido os túneis com o mesmo material de enchimento que estava nos túneis.

Enquanto fazia tudo isso, a pessoa se esqueceu da lamparina. Ele / ela talvez tenha feito isso em segredo, porque eles não queriam que rumores fossem espalhados. Se isso fosse um segredo, o indivíduo obteria tudo se encontrasse algo de bom, e não haveria competição com outros exploradores.

Buracos e paredes secas

Um dos túneis mais interessantes é o túnel que leva ao megálito K5, descoberto em 2013. Em um ponto, existem seis túneis laterais, separados por alguns metros. Isso também refuta a hipótese da mina porque não há como alguém minerar seis túneis que estão indo na mesma direção.

Alguns desses seis túneis laterais podem ter sido túneis de oxigênio e também podem levar a novas entradas. Se houver uma nova entrada, esses túneis poderiam ser novas seções de túneis. Isso sugere que, não importa onde você escave, encontrará ainda mais túneis. Muito se teoriza que o local teria uma rede de tuneis enorme por todo o local e que muito pouco foi descoberto ainda. Podemos estar falando de uma super rede de tuneis ainda desconhecida.  

Um bom exemplo de túneis parcialmente abertos em Ravne são os túneis chamados de '' Buraco do Coelho ''. Esses túneis foram explorados principalmente em 2014 e parece que são uma rede. Agora, alguns argumentam que os túneis são naturais, talvez feitos de água.

No entanto, a '' Toca do Coelho '' mostra claramente que há intervenção humana envolvida porque a natureza não forma túneis semicirculares e com o mesmo tamanho por muitos metros. Além dos túneis semiabertos, também existem diferentes túneis laterais na mesma seção. O propósito do túnel '' Rabbit Hole ou Toca do Coelho'' é desconhecido. Seriam os túneis de oxigênio? Ou túneis que levam a outra entrada? Não há dúvida de que os túneis da "Toca do Coelho" precisam de muito mais pesquisas.

As paredes secas costumam estar presentes quando ocorre um túnel lateral. A razão pela qual os criadores dos túneis fizeram essas paredes secas é uma pergunta difícil de responder. Talvez eles quisessem separar os diferentes túneis com essas paredes secas e evitar que o material de enchimento caísse em outra seção dos túneis. Isso seria lógico, se eles realmente quisessem separar os túneis em partes diferentes. Para concluir qualquer coisa, as paredes secas também precisam de mais pesquisas.

Objetivo dos Túneis Raven

Portanto, a questão surge mais uma vez. Para que eram usados ​​os túneis Ravne? Alguns teorizam que, os túneis de Ravne eram minas muito, mais muito antigas. A primeira civilização que construiu as pirâmides veio e cavou o conglomerado, fazendo esses túneis e usando esse material para os blocos de concreto da pirâmide do Sol da Bósnia.

No entanto, não há conglomerado suficiente em Ravne para construir ou dar forma a uma estrutura de 220 metros (721,79 pés) de altura. Portanto, eles provavelmente foram para outros lugares perto de Ravne, para levar mais conglomerado para a pirâmide solar. Se alguém estudar os blocos da pirâmide do Sol da Bósnia, verá que eles consistem em argila e conglomerado.

Alguns blocos que podem ser encontrados na pirâmide do Sol da Bósnia

A área de Visoko tem muita argila, e a teoria mais comum é que os construtores da pirâmide pegaram essa argila e a combinaram com o conglomerado Ravne para fazer os blocos de concreto para a pirâmide do Sol. Isso faz uma ligação direta entre a pirâmide do Sol e Ravne. Além disso, ao coletar esse conglomerado, eles fizeram um túnel que vai até a pirâmide do Sol, talvez porque quisessem conectar a pirâmide do Sol e outros locais no subsolo. Cada vez mais evidências estão sendo encontradas que indicam que era para fins energéticos também, o que é surpreendente.

Mais tarde, outra civilização ou cultura veio e preencheu todos esses túneis com o material de enchimento. Eles colocaram as dry walls para evitar que o material de enchimento fosse para outras seções e para que os túneis ficassem com sua forma original (apenas uma hipótese). Por que eles preencheram esses túneis, ainda é desconhecido.

Resumindo

Pode-se ver que os túneis não são naturais, mas sofrem muita intervenção humana. Também se sabe que quem esteve envolvido nos túneis também tinha bons conhecimentos sobre oxigênio (com tuneis de oxigênio espalhados) e como construir túneis da melhor maneira. Sem duvida um conhecimento avançado e considerável.

Há muito mais sobre os túneis Ravne do que o que está escrito neste artigo, mas esse é um possível entendimento dos túneis, o que é muito importante para continuar as pesquisas no local. Não há dúvida de que os túneis ainda precisam de mais pesquisas e escavações para serem concluídos. Portanto, há um futuro muito empolgante no Vale das Pirâmides da Bósnia.

Fonte: Ancient Code \ Megalith \ Wikia 

Respeite o conteúdo do site, não copie sem autorização - material protegido